POR Geovane Depa, 15 dez 2011, 14H33

Parceria com editora americana beneficia dois mil alunos da Unex

Henrique Soares
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação

Galeria9

Acordo assinado ontem (12) em Salvador passa a valer a partir de 2012. Fotos: Cindi Rios/Ascom

A editora americana Cengage Learning vai oferecer treinamento e consultoria acadêmica para professores de inglês da Associação dos Ex-Alunos (Unex) da UNEB, além de doar livros para bolsistas e produtos voltados para deficientes visuais. Em contrapartida, o material didático utilizado pela Unex passará a ser adquirido na editora.

Esses são alguns dos pontos previstos no acordo firmado entre a associação e a editora na tarde de ontem (12), na Sala Nobre da Reitoria, no Campus I, em Salvador.

O convênio, que passa a valer a partir de 2012 e beneficia cerca de dois mil alunos da Unex, foi assinado pelo reitor da UNEB, Lourisvaldo Valentim, e pelo presidente e vice da associação, Leonardo Cunha e Patrícia Figueiredo, respectivamente.

Leonardo_corpo111

Leonardo Cunha preside a Associação dos Ex-Alunos

Pela Cengage Learning, assinaram o documento a diretora da editora no Brasil, Milagros Valderrama, o gerente de soluções educacionais, Eduardo Mônaco, o supervisor de divulgação no Nordeste, Robério Rosário, e a consultora acadêmica, Ann Marie Moreira.

Valentim parabenizou a associação pela iniciativa e destacou a importância do trabalho social promovido pela Unex.

“Vocês realizam ações muito bonitas, a exemplo de praticar mensalidades reduzidas, que possibilitam aos mais carentes terem acesso aos cursos oferecidos”, lembrou o reitor.

Milagros Valderrama apresentou o perfil da editora e citou a importância do segundo idioma mais falado no mundo (considerados apenas os falantes que têm essa língua como materna).

“Nos sentimos felizes em fechar uma parceria como esta, pois ajuda a divulgar uma língua que promove a interação entre os povos”, frisou Milagros, lembrando da importância do idioma para se estabelecer comunicação com os milhares de turistas que virão ao país acompanhar a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016.

Necessidades especiais

Entusiasmado com a possibilidade de contribuir, por meio da parceria, com o aprendizado do inglês em um momento de crescente evidência do país, Leonardo Cunha agradeceu o acordo firmado com a editora e comentou que os maiores beneficiados com essa iniciativa serão os professores e alunos da associação.

“Atualmente atendemos 20 alunos com deficiência visual que vão contar, a partir desse acordo, com audiobooks e textos em braile”, disse Leonardo, na véspera do Dia Nacional do Deficiente Visual, celebrado hoje (13).

Jose-Marcio_corpo

José Márcio: romper barreira do acesso à informação

Nesse espírito inclusivo, o coordenador do Núcleo de Educação Especial (Nede) da universidade, José Marcio Nunes, lembrou que, apesar de algumas leis nacionais exigirem a disponibilização de conteúdos voltados para deficientes visuais, a maior parte das editoras não cumpre essa regra.

“Ver a Cengage se preocupar em cumprir a legislação brasileira nos deixa bastante felizes, pois nos auxilia a romper a barreira do acesso à informação”, pontuou o coordenador.

Também prestigiaram a solenidade o pró-reitor de Administração (Proad) da UNEB, Durval Uzêda, e o diretor André Luis dos Santos e os professores Huglison Cardoso, Gilvânia Neves e César Leal, todos da Unex.

A editora Cengage Learning, presente em mais de 140 países, foi criada nos Estados Unidos há mais de 100 anos. No Brasil desde 2001, a editora tem sede na capital paulista.

A empresa também possui parcerias com outras instituições de ensino superior, como as universidades de São Paulo (USP), as estaduais de Campinas (Unicamp) e Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), as federais da Bahia (Ufba) e de Pernambuco (Ufpe), além da Fundação Getúlio Vargas (FGV).




Envie uma mensagem:

Comentrios no so permitidos.