POR Thais Urpia, 31 mar 2011, 17H21

Estudantes de artes de Ipiaú visitam Campus I e centros culturais da capital

Danilo Oliveira
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação


Estudantes dos cursos de artes visuais do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor) e de extensão em estação experimental de artes cênicas, ambos vinculados ao Departamento de Ciências Humanas e Tecnológicas (DCHT) Campus XXI da UNEB, em Ipiaú, visitaram hoje (31) o Campus I da UNEB, sediado em Salvador.

Os 36 discentes, antes de fazerem um tour pela unidade, foram recepcionados pelo reitor da UNEB, Lourisvaldo Valentim, e pela pró-reitora de Extensão (Proex), Adriana Marmori.

professora_ipiau

Tereza Damásio: ação contribui com formação estética e crítica dos alunos. Fotos: Cindi Rios/Ascom

“É sempre uma grande alegria receber a visita de estudantes dos nossos campi do interior. Essas atividades de visitação possibilitam que nossos alunos, além de conhecer outros polos culturais, tenham contato com a riqueza de nossa multicampia”, destacou Valentim.

Além do campus, os estudantes vão conhecer também na capital o Museu Rodin, a Fundação Casa de Jorge Amado e a Biblioteca Pública do estado.

A visitação a centros culturais, explica a professora Tereza Damásio, coordenadora dos cursos, busca contribuir com a formação estética e crítica dos estudantes.

A professora do DCHT Josenéia Costa, participante do curso de extensão, pontuou que a atividade lhe permitiu, como docente e discente, expandir sua compreensão sobre as artes. “Também melhorou minha interlocução com os alunos”, completou.

As atividades contam com apoio da direção do DCHT e da Proex.

“A UNEB é bastante rica em arte e cultura. Atividades como essa são essenciais para a formação dos estudantes. Conhecer pessoas e lugares pode inspirar o surgimento de novos projetos”, ressaltou Adriana Marmori.




Envie uma mensagem: