POR Ascom/Toni Vasconcelos, 06 nov 2015, 15H47

Internacionalização: UNEB ingressa no GCUB em evento no Reino Unido

Toni Vasconcelos
Núcleo de Comunicação
Assessoria de Comunicação

manchester_di-dh3

Ingresso no Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras vai ampliar articulação internacional da UNEB

A UNEB deu mais um importante salto rumo à consolidação da sua política de internacionalização.

A universidade teve aprovada sua associação ao Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (GCUB), reconhecida entidade cuja missão é fomentar a internacionalização universitária por meio de programas e ações de cooperação internacional.

A associação da UNEB aconteceu durante VII Seminário Internacional e VIII Assembleia Geral do GCUB, que se realizou esta semana (dias 27 a 29) na Universidade de Manchester, no Reino Unido.

O seminário, que comemora o sétimo aniversário de criação do GCUB, debateu o tema “Educação Superior, Inovação e Internacionalização”.

Compondo a mesa solene, o reitor da UNEB, professor José Bites de Carvalho, representou a Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (ABRUEM), que reúne 45 instituições de ensino superior em 22 estados do país.

“As universidades estaduais e municipais do Brasil atendem atualmente mais de 700 mil estudantes em 2,3 mil cursos de graduação e 1,3 mil programas de pós-graduação, exercendo papel fundamental na inclusão social e no acesso à educação superior de segmentos da população historicamente mais vulneráveis”, disse o reitor na abertura do evento.

O professor José Bites salientou que a ABRUEM tem desenvolvido atividades direcionadas a garantir uma articulação mais consistente entre as universidades filiadas e instituições de outros países.

“Nossas universidades necessitam desenvolver mais ações de internacionalização. Precisamos promover cada vez mais os intercâmbios de docentes, discentes e técnicos, as trocas de experiências, as transferências de conhecimentos”, ressaltou.

manchester_di-dh2

Reitor José Bites representou a Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais

Acompanham o reitor nessa viagem a professora Jardelina Bispo, secretária especial de Relações Internacionais (SERINT) – setor instituído na atual gestão da universidade para fortalecer e democratizar as atividades de articulação, cooperação e intercâmbio com instituições do exterior –, e a analista universitária Qhele Jemima, da equipe da Assessoria Especial de Cultura e Artes (ASCULT) da instituição, responsável pela tradução técnica nos eventos.

A coordenadora da SERINT antecipou que, a fim de agilizar o relacionamento do Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras com a comunidade unebiana, foi agendada a visita da professora Rossana Silva, diretora executiva do GCUB, à UNEB já no dia 9 de novembro.

“A diretora vai nos apresentar a entidade, os programas e as perspectivas de fortalecimento da internacionalização da UNEB a partir das articulações realizadas pelo Grupo. para esse encontro, a SERINT, junto com a Reitoria e outros setores da administração, vai organizar um encontro com os diretores de departamento, coordenadores de pós-graduação e outros gestores da universidade”, adiantou Jardelina Bispo.

Entre as iniciativas articuladas pelo GCUB de que, inicialmente, a UNEB quer participar, estão o Programa de Licenciaturas Internacionais (PLI), da Capes/MEC, que objetiva a elevação da qualidade da graduação no Brasil, priorizando a melhoria do ensino dos cursos de licenciatura e a formação de professores; o Programa de Alianças para a Educação e a Capacitação (PAEC), da Organização dos Estados Americanos (OEA), que oferece bolsas para estudos acadêmicos para países da região e de outros continentes; e o projeto ALISIOS (Academic Links and Strategies for the Internationalisation of the Higher Education Sector), que visa melhorar a cooperação acadêmica entre instituições europeias e brasileiras.

Nesta sexta-feira (30), os gestores universitários participantes dos eventos em Manchester deslocam-se para Londres (Inglaterra) para o I Encontro de Reitores Brasil-Reino Unido, organizado pelo GCUB e universidades daqueles países, onde debatem possibilidades de colaboração e parcerias em áreas estratégicas, entre outros pontos da pauta. No encerramento das atividades, deve ser elaborada uma “carta informal de intenção”.

Sediado em Brasília, o Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras congrega 70 universidades brasileiras, sendo 50 federais e 15 estaduais, já incluindo a UNEB.

Fotos: Qhele Jemima/ASCULT


  • No Related Post


Envie uma mensagem: