POR smesseder, 08 jul 2015, 18H14

Anais IV Seminário Enlaçando Sexualidades (2015)

ISSN 2238-9008

Trabalhos ordenados por Enlace e por título do artigo

………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………..

Fala de Abertura do IV Seminário Enlaçando Sexualidades – PDF

Enlace 1 – Relações multiespécie que (re)enlaçam famílias? artes, feminismos e corporalidades

ABRIR O CORPO AO ANIMAL, AO MINERAL, ÀS PLANTAS, AO COSMOS

“CORPOREIDADE” NA DIVISÃO SEXUAL DO TRABALHO DESPORTIVO: TECNOLOGIAS DE GÊNERO E AS INFLUÊNCIAS SOCIOEDUCATIVAS E CULTURAIS

Enlace 2 – Masculinidades em questão no contexto escolar

A NOÇÃO DE PERFORMATIVIDADE PARA PENSAR OS SENTIDOS ATRIBUÍDOS AO MASCULINO NO ESPAÇO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

CONSTRUÇÃO DO CORPO MASCULINO: RELAÇÕES COM AÇÕES DE PROMOÇÃO DA SAÚDE E PREVENÇÃO DE DOENÇAS

O TRABALHO DE AGENTE AUXILIAR DE CRECHE: (IM)POSSIBILIDADES DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL?

SOU NEGÃO COM PRAZER!: EM BUSCA DE POSSIBILIDADES DE PROBLEMATIZAR O PROCESSO DE CONSTRUÇÃO DAS MASCULINIDADES NEGRAS

“BENDITO É O FRUTO ENTRE AS MULHERES”: TENSIONANDO O EROTISMO NO CONTEXTO DA PRESENÇA DE HOMENS NO MAGISTÉRIO DAS SÉRIES INICIAIS E DA EDUCAÇÃO INFANTIL

Enlace 3 – Família homoafetiva, (i)moralidades e suas representações

A TÔNICA DO DESEJO HOMOERÓTICO NA OBRA FALO, DE PAULO AUGUSTO

COMO EDUCAR SEU FILHO GAY?

SOBRE O MENINO QUE USAVA O XAILE DA AVÓ, DANÇAVA E SE MAQUIAVA EM O BAILARINO, DE BERNARDO SANTARENO: FRENTE AO ESPELHO DE UM LAR HETEROCENTRADO

EÇA DE QUEIRÓS: GASTRONOMIA E REPRESENTAÇÃO DA FAMÍLIA BURGUESA E DAS RELAÇÕES HOMOAFETIVAS EM O PRIMO BASÍLIO

Enlace 4 – Educação, gêneros e sexualidades

“E É AÍ QUE ACABA MEU MAR DE ROSAS E COMEÇA O MEU CALVÁRIO”: GÊNERO, SEXUALIDADE E O APRENDIZADO COM A DIFERENÇA

PARA UMA ABORDAGEM FEMINISTA DAS CIÊNCIAS: A PARTICIPAÇÃO DE HOMENS NO SERVIÇO SOCIAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA (GDE): RODAS, TRAJETOS E PONTES NA FORMAÇÃO COM EDUCADORES EM ITABORAÍ/RJ

CONEXÕES: INTERAÇÕES ENTRE SAÚDE, JUVENTUDES E SEXUALIDADES

‘PAPO SÉRIO’ NA ESCOLA

CORPO, GÊNERO E SEXUALIDADES NAS REDES COTIDIANAS DE UMA TURMA DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL E A QUESTÃO: A ESCOLA PODE SER UM ESPAÇO DE CRIAÇÃO?

MULHERES NAS CIÊNCIAS EXATAS: POLÍTICAS PÚBLICAS DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

LUGARES, NÃO-LUGARES E ENTRE-LUGARES: OLHARES E IMPLICAÇÕES SOBRE A VIDA UNIVERSITÁRIA DE ESTUDANTES NÃOHETEROSSEXUAIS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA.

SAÚDE DA MULHER: UMA ABORDAGEM DIFERENCIADA PARA ADOLESCENTES DO ENSINO MÉDIO

IMPACTOS DA FORMAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE ENTRE ESTUDANTES DE ENSINO MÉDIO EM SANTA CATARINA

Enlace 5 – Mulher, trabalho e família

MULHERES SEM TERRA E SUA COTIDIANIDADE: UMA HISTÓRIA IN/VISIBILIZADA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO

A MULHER MILITAR BRASILEIRA NO SÉCULO XXI: ANTIGOS PARADIGMAS, NOVOS DESAFIOS

REPERCUSSÕES DA PRÁTICA DOCENTE NA SAÚDE DE PROFESSORAS DE UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL DE ENSINO SUPERIOR

MÃOS QUE PINTAM A ARTE: UMA REFLEXÃO SOBRE A SUBJETIVAÇÃO E O SIGNIFICADO DO VALOR DO TRABALHO DAS ARTESÃS DOS BRINQUEDOS DE MIRITI DE ABAETETUBA/PA

REPRESENTAÇÕES DE GÊNERO, TRABALHO E FAMÍLIA NAS IMAGENS DE LIVROS DIDÁTICOS DE CIÊNCIAS

SER MULHER NAS COMUNIDADES QUILOMBOLAS: VIVÊNCIAS RELACIONADAS À FAMÍLIA E AO TRABALHO

MULHERES, TRABALHADORAS, ESTUDANTES: A DIFÍCIL TAREFA DE CONCILIAR PAPEIS ATRIBUÍDOS

O PODER DE DECISÃO DAS MULHERES

REPRESENTAÇÕES DOS PAPÉIS SOCIAIS DA MULHER NA FAMÍLIA CONTEMPORÂNEA

VIÚVAS, CAFEZAIS E FAMÍLIA: DONAS DE TERRAS E DE SEUS DESTINOS NAS LAVOURAS DE CAFÉ DO SUL DE MINAS GERAIS

MULHERES EM BUSCA DE SEUS DIREITOS: UMA ANÁLISE DAS PESCADORAS DE GOVERNADOR CELSO RAMOS

Enlace 6 – Família, gênero e sexualidades: intersecções necessárias na contemporaneidade

A FLEXIBILIZAÇÃO DO PATRIARCADO NA CONTEMPORANEIDADE: As famílias homoafetivas de Fortaleza e a (des) construção de papéis normativos.

FAMILIAS MATRIARCAIS, MATERNIDADE E LESBIANIDADE

O EXERCÍCIO DA SEXUALIDADE DE IDOSAS: RELATOS E EXPERIÊNCIAS

EU SOU TU ÉS ELE É. E ELAS, O QUE SÃO? FAMÍLAS HOMOAFETIVAS FEMINAS: DISCUTINDO IDENTIDADE DE GÊNERO NO ESPAÇO ESCOLAR

UTILIZAÇÃO DAS TÉCNICAS DE REPRODUÇÃO ASSISTIDA PELAS PESSOAS TRANS: UMA ABORDAGEM JURÍDICA

IMPACTOS DA VIOLÊNCIA PERPETRADA CONTRA AS ADOLESCENTES NA DINÂMICA FAMILIAR

ATUAÇÃO DA ENFERMEIRA FRENTE ÀS NECESSIDADES DE SAÚDE SEXUAL E REPRODUTIVA DO ADOLESCENTE

RELAÇOES AFETIVO-SEXUAIS DE MULHERES SOLTEIRAS E SEPARADAS: “ME PERDÍ”!

FAMÍLIAS COMPOSTAS POR PESSOAS TRANS:O QUE MUDA NESTA CONFIGURAÇÃO FAMILIAR?

DIREITOS SEXUAIS E DIREITOS REPRODUTIVOS EM MOÇAMBIQUE: INTERFACES COM A EPIDEMIA DO HIV/AIDS

O COTIDIANO DE PAIS QUE NÃO RESIDEM COM FILHO(S): REFLEXÕES SOBRE O LUGAR DO PAI

Enlace 7 – Fronteiras geracionais, sexualidades e gênero: relações, intersecções e desafios contemporâneos

O PENSAMENTO DAS MULHERES NEGRAS NO BRASIL NA OBRA O LIVRO DA SAÚDE DAS MULHERES NEGRAS: NOSSOS PASSOS VÊM DE LONGE

CIÚME, O TEMPERO DO AMOR? COMPREENDENDO AS PERCEPÇÕES DE JOVENS EM ARACAJU/SE

“AINDA SOMOS OS MESMOS E VIVEMOS COMO NOSSOS PAIS”: GÊNERO E SEXUALIDADE NA PERSPECTIVA DE JOVENS ARACAJUANOS/AS

GÊNERO EM DEBATE: DIFERENÇAS NAS CONCEPÇÕES E PRÁTICAS DE SAÚDE E DOENÇA ENTRE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS

EXPERIMENTAÇÃO AFETIVO-SEXUAL PARCIMONIOSA: UMA QUESTÃO DE GÊNERO E GERAÇÃO

“CHAVES DO ARMÁRIO” PARA HOMENS HOMOSSEXUAIS – A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE GAY E O CONTEXTO DA LUTA POR CIDADANIA EM TRÊS GERAÇÕES

O CAMINHO INSTITUCIONAL PARA A ENTRADA OU SAÍDA NO ARMÁRIO: representações sociais de homossexuais sobre os cuidados prestados à sua saúde em serviços públicos e/ou privados nos municípios de Ilhéus e Itabuna-BA

“ESSAS NOVINHAS TÊM QUE NOS RESPEITAR”: BREVES RELATOS DE MAGDA STRASS UMA TRANSEXUAL ENVELHESCENTE EM BELÉM DO PARÁ

AO QUE ME APEGO? CONFLITOS ENTRE IDENTIDADES, GÊNEROS E SEXUALIDADES VIVIDOS POR MULHERES ADOLESCENTES EM PRIVAÇÃO DE LIBERDADE

Enlace 8 – Formação de professoras/es para questões de gênero e sexualidade

A DIVERSIDADE SEXUAL NA AULA DE LÍNGUA INGLESA: LIDANDO COM ALUNOS DE DIFERENTES IDENTIDADES SEXUAIS

QUESTÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADES NO PROCESSO DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA

RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE SEXUALIDADE E GÊNERO NA EDUCAÇÃO BÁSICA: DIÁLOGOS NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL

Enlace 9 – Crianças, infâncias e moralidades

BIOPOLÍTICA E CORPOS INFANTIS

A ESCOLA COMO TRABALHO/DEVER NA VIDA DAS CRIANÇAS

INVESTIGANDO AS EXPERIÊNCIAS AFETIVAS DE CRIANÇAS E JOVENS E SUAS POSSIBILIDADE DE AÇÃO NO AMBIENTE ESCOLAR

MEMÓRIAS DE INFÂNCIA DE “NETAS RESTITUÍDAS”

PRATICAS MÉDICAS E SUBJETIVIDADES

Enlace 10 – Experiências de abordagens sobre gênero e sexualidade em cursos de Formação de Educadoras(es)

HOMOSSEXUALIDADE NA VISÃO DE ESTUDANTES DE PEDAGOGIA

O QUE DIZEM XS ALUNXS DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS SOBRE SEXUALIDADE?

RELAÇÕES DE GÊNERO E FEMINISMOS NO ENSINO SUPERIOR: A FORMAÇÃO DOCENTE ENTRE A FRONTEIRA E A SEPARAÇÃO

ESTUDO DOS CURSOS DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO SEXUAL QUE UTILIZAM AS TECNOLOGIAS DIGITAIS

Enlace 11 – Biotecnologias, moralidades e políticas de saúde: o cuidado à saúde de pessoas transgêneras

AMPLIANDO OLHARES: A EXPERIÊNCIA DO SERVIÇO SOCIAL NO ESPAÇO DE ACOLHIMENTO E CUIDADO A PESSOAS TRANS HC-UFPE

HORMÔNIOS E AGÊNCIA DE MULHERES TRANSEXUAIS: PARA PENSAR OUTROS POSSÍVEIS PARA A SAÚDE

DIREITOS REPRODUTIVOS TRANS EM DOCUMENTOS BRASILEIROS DE SAÚDE E DIREITOS HUMANOS: AUSÊNCIAS E (IN)VISIBILIDADES

A PRODUÇÃO DO CUIDADO ÀS PESSOAS TRANSGÊNERAS* NA SAÚDE MENTAL: “INVISIBILIDADES” E DESAFIOS

“PRA TRATAR DE ANORMALIDADE, NÃO”. INVESTIGAÇÃO DA POLÍTICA NACIONAL DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DO HOMEM EM UNIDADES DE SAÚDE DA FAMÍLIA NO MUNICÍPIO DE SANTO ANTÔNIO DE JESUS – BA: DISCUTINDO TRANSGENERIDADES

OS SERVIÇOS DE SAÚDE E AS EXPERIÊNCIAS DE TRAVESTIS E TRANSEXUAIS

POLÍTICAS DE SAÚDE E DIREITOS DE TRAVESTIS E TRANSEXUAIS PRIVADAS DE LIBERDADE NO ESTADO DE SÃO PAULO

TECNOLOGIAS DE MODIFICAÇÃO CORPORAL DO SEXO E NORMAS DE GÊNERO: SOBRE A REGULAMENTAÇÃO DO CUIDADO A PESSOAS TRANS NO BRASIL

Enlace 12 – Discutindo a diversidade sexual na escola com os professores

ESTRATÉGIA PARA A DIVERSIDADE SEXUAL NAS ORGANIZAÇÕES

HOMOFOBIA MATA: DO DESCONHECIMENTO À CUMPLICIDADE

CONCEPÇÕES DE EDUCADORES/AS E A (DES)CONSTRUÇÃO DE PRECONCEITOS ACERCA DA DIVERSIDADE SEXUAL

QUAL O LUGAR DAS TRAVESTIS NAS POLÍTICAS PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO DO ESTADO DO AMAPÁ?

CYBERBULLYING RELATIVO À DIVERSIDADE SEXUAL: UM OLHAR OMNILÉTICO

DISCUTINDO DIVERSIDADE SEXUAL NA ESCOLA COM OS PROFESSORES: Novas Configurações Familiares

DISCUTINDO GÊNERO E SEXUALIDADE TENDO CINEMA COMO INSPIRAÇÃO: EDUCAÇÃO FÍSICA EM QUESTÃO

Enlace 13 - Enlaçando gênero e sexualidades nas tramas da história – o campo historiográfico e as teorias de gênero e sexualidade

CIDADANIA COLORIDA: ORGANIZAÇÃO DA COMUNIDADE LGBT EM ITABUNA – 1978-2005

LAERTE NO BANHEIRO FEMININO: INVESTIGANDO REPRESENTAÇÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADE E REPRESENTAÇÕES HISTÓRICAS NA MÍDIA

“A FAMÍLIA AMEAÇADA”: RELAÇÕES FAMILIARES EM PROCESSOS JUDICIAIS DE RAPTO CONSENSUAL E SEDUÇÃO EM JACOBINA – BA (1940- 1960)

FIGURAÇÕES DA MERETRIZ: UMA PERSPECTIVA DIACRÔNICA

GÊNERO E HISTÓRIA: UM BREVE BALANÇO HISTORIOGRÁFICO

Enlace 14 – “Sexualidades: isso existe na escola?” A familiaridade e a escolaridade frente às [não] discussões necessárias

SEXUALIDADE E ESCOLA CONTEMPORÂNEA: CASO ESCOLA DJALMA PESSOA

A FAMÍLIA, A EDUCAÇÃO SEXUAL E A ESCOLA: ENTRE O (NEM SEMPRE) ESCONDIDO E O REFLETIDO

ORIENTAÇÃO SEXUAL: ENTRE A FAMÍLIA E A ESCOLA, A QUEM COMPETE EDUCAR?

A DISCUSSÃO SOBRE SEXUALIDADE COMO ESTRATÉGIA DE ENSINO: CONCEITOS E CONCEPÇÕES

ESCOLA, FAMÍLIA E SEXUALIDADE: DIÁLOGOS POSSÍVEIS?

Enlace 16 – Famílias, educação escolar e sexualidade(s): interfaces com mídias e cinema

UMA ANÁLISE SOBRE HOMOSSEXUALIDADE E IMIGRAÇÃO NO FILME PRAIA DO FUTURO (2014)

O PERFORMATIVO CURRICULAR NA ESCOLA E NA TV: UMA BREVE REFLEXÃO SOBRE A NATURALIZAÇÃO DA HETEROSSEXUALIDADE

Enlace 17 – Saúde/doença, emoção e moralidade

NÍVEL DE INFORMAÇÃO RELATIVO AO HIV/AIDS ENTRE UNIVERSITÁRIOS E PRESENÇA DE OPINIÕES EXCLUDENTES EM RELAÇÃO AO CONVÍVIO SOCIAL COM SOROPOSITIVOS

OS DESAFIOS NA GARANTIA DE DIREITOS DE LÉSBICAS, GAYS, BISSEXUAIS, TRAVESTIS E TRANSEXUAIS NO CONTEXTO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (SUS)

POLÍTICAS PÚBLICAS DE CONTROLE DAS DST’S ENTRE A POPULAÇÃO LGBT DE ITABUNA (BA)

DETERMINANTES SOCIAIS E IMPLICAMENTOS NA ELABORAÇAO DE POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE E CIDADANIA EFETIVAS

Enlace 18 – “Gêneros impertinentes: trânsitos à deriva”

QUANDO O GÊNERO ANTECEDE O CORPO: ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE OS USOS DO PROCESSO TRANSEXUALIZADOR

Enlace 19 – Categorias e conceitos: limites do entendimento e das avaliações morais acerca da singularidade humana

A CRÍTICA DEFICIENTE – ALGUNS POSICIONAMENTOS CRIP-FEMINISTAS

UMA ANÁLISE DAS TENSÕES EM TORNO DA CATEGORIA “MULHERES” NO DEBATE SOBRE O RECONHECIMENTO DAS TRANSEXUAIS COMO SUJEITOS DO FEMINISMO

ONDE ESTÃO AS DIFERENÇAS ENTRE OS SEXOS? UMA ALTERNATIVA PARA O DEBATE

Enlace 20 – Corpo e espaço público: por um diálogo etnográfico entre campos

A INSUSTENTÁVEL ARQUITETURA DOS CORPOS: O GÊNERO E A SEXUALIDADE ENQUANTO DIFERENCIAIS NA EXPERIÊNCIA URBANA

CORPOS EM TRÂNSITO: CASOS DE ASSÉDIO SEXUAL NOS TRANSPORTES COLETIVOS DE ARACAJU

Enlace 21 – Psicologia social, feminismos e transexualidades: articulações (im)pertinentes

O CORPO COMO MARCA DE CONSTITUIÇÃO DE IDENTIDADES SEXUAIS E DE GÊNERO EM CONTEXTPO SÓCIO FAMILIAR DE TRAVESTIS DO MUNICÍPIO DE POÇÕES

Enlace 22 – Sexualidades contemporâneas nas artes, nas mídias e nas militâncias: experiências e desafios

FULERAGEM E FALTA DE VERGONHA NA CARA: RELATO DE EXPERIÊNCIA DA PERFORMANCE PELOS PÊLOS

O PÓS-PORNÔ: POR UMA PORNOGRAFIA COMO FERRAMENTA DAS LUTAS FEMINISTAS

MC ANITTA, MC TRANSNITTA e MC BANANA: uma proposta de diálogo entre Música e Educação

AS REPRESENTAÇÕES DISCURSIVAS DE GÊNERO E SEXUALIDADE A PARTIR DE VÍDEOS DA PRISÃO DE SUJEITOS LGBT NO YOUTUBE

CORPOS E MENTES DESLOCADOS: A QUESTÃO DE GÊNERO E SEXUALIDADE NOS ROMANCES O BEIJO DA MULHER-ARANHA (1976), STELLA MANHATTAN (1985) E DO FUNDO DO POÇO SE VÊ A LUA (2010).

Enlace 23 – Erotismo imagem técnica

MARIALVA E CURIÓ: OS PROTAGONISTAS DO EROTISMO NO FILME OS PASTORES DA NOITE

CIDADE, CINEMA E PRÁTICAS SEXUAIS EM SALVADOR: PISTAS PARA UM URBANISMO A CONTRAPELO

CULTURA POPULAR: RISO E EROTISMO EM O HOMEM QUE DESAFIOU O DIABO

CULTURA POPULAR: DA HIPER FICÇÃO AO HIPER DOCUMENTAL: A CONSTRUÇÃO DO EROTISMO INDIGENA NO FILME AS HIPER MULHERES.

EROTISMO E IMAGEM FOTOGRAFICA

EROTISMO, MARCAS SOCIAIS DA DIFERENÇA E CONSTRUÇÃO DE SUBJETIVIDADES NOS FLYERS DE UM CLUBE DE SWING

A TELA DA TV É A RETINA DA MENTE”: MÍDIA, SADISMO, MUTAÇÕES CORPÓREAS E PARANOIA EM VIDEODROME

Enlace 24 – Psicologias

O PROCESSO TRANSEXUALIZADOR E O PSICÓLOGO

PRÁTICAS CALEIDOSCÓPICAS: QUANDO A PSICOLOGIA ENCONTRA AS DIVERSIDADES SEXUAIS E DE GÊNERO

SOBRE A PATOLOGIZAÇÃO DO TRAVESTISMO E DA TRANSEXUALIDADE

PROBLEMAS DE GÊNERO PSICOLÓGICO: QUESTÕES TRANSVERSAIS ENTRE GÊNERO, SEXUALIDADE E SUBJETIVIDADE

CONVERSAS SOBRE SEXUALIDADES, ENTRE O DITO, O FEITO E O DESEJADO EM EDUCAÇÃO BÁSICA

DIÁLOGOS MULTIDISCIPLINARES: A CONSTRUÇÃO DE UMA CARTILHA PARA FAMÍLIAS DE CRIANÇAS EM SITUAÇÃO DE INTERSEXO

O QUE ENSINA A TRANSEXUALIDADE À PSICOLOGIA

Enlace 25 – Saberes e práticas em redes familiares

MULHERES TRABALHADORAS DA MARÉ: SABERES E PERSPECTIVAS SUSTENTÁVEIS NA RESEX BAÍA DO IGUAPE – BAHIA

SABERES, PRÁTICAS FAMILIARES E MANIFESTAÇÕES CULTURAIS DA COMUNIDADE DAS TRÊS LAGOAS

SABERES E PRÁTICAS DA ATIVIDADE PRODUTIVA DAS MULHERES MARISQUEIRAS NA COMUNIDADE DO MANGUE SECO EM VALENÇA (BA)

Enlace 26 – Sexualidades, religiosidades e emoções

UMA ANALISE DOS DISCURSOS SOBRE AS HOMOSSEXUALIDADES NA VISÃO DA DOUTRINA DO VALE DO AMANHECER

RELIGIOSIDADES E REGULAÇÃO DA SEXUALIDADE: CONFLITOS MORALISTAS NO ROMANCE “O SUMIÇO DA SANTA”

INCLUSÃO E EXCLUSÃO: ETNOGRAFIA SOBRE AS REDES DE SOCIABILIDADES LÉSBICAS E GAYS NA CIDADE DE TERESINA

RELIGIOSIDADES QUEER E XS SUJEITXS MARGINALIZADXS

FAMÍLIA FRENTE A HOMOAFETIVIDADE DO JOVEM

Enlace 27 – Políticas públicas, diversidade sexual e de gênero e serviço social

REFLEXÕES DE GÊNERO, SEXUALIDADES, DIVERSIDADE SEXUAL: POSSIBILIDADES E LIMITES NA FORMAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DO SERVIÇO SOCIAL

O SERVIÇO SOCIAL E AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E DE GÊNERO NA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

POLÍTICAS PÚBLICAS E DIREITOS LGBT NO BRASIL: DEZ ANOS APÓS O BRASIL SEM HOMOFOBIA

A ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NOS CASOS OFICIAIS DE HOMOFOBIA NA SSP/SE ENTRE OS ANOS DE 2010 E 2013

NOTAS PARA ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NO PROCESSO TRANSEXUALIZADOR

FORMAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL E A PRÁXIS ACADÊMICA – ESTUDO DE CASO DOS ESTUDANTES DE SERVIÇO SOCIAL NA UNIME FRENTE À DIVERSIDADE SEXUAL

HOMOSSEXUALIDADE FEMININA E SERVIÇO SOCIAL: ANÁLISE DA APROXIMAÇÃO DA TEMÁTICA NA FORMAÇÃO PROFISSIONAL

O TRATO DISCURSIVO DA CATEGORIA ANALÍTICA “GÊNERO” EM DOIS PERIÓDICOS DE SERVIÇO SOCIAL BRASILEIROS

INTERVENÇÃO MULTIDISCIPLINAR PARA A GARANTIA DOS DIREITOS SEXUAIS E REPRODUTIVOS DE ADOLESCENTES

Enlace 28 – Corpo, escola e subjetividades corpóreas: dispositivos, práticas, saberes e seus desdobramentos

MULHER É MARCA DE GENTE? DRAG KING SHOW E A ARTE DA CAPOEIRAGEM

AS CONTRIBUIÇÕES DO ENUNCIADO NO ESTUDO DO GÊNERO E DAS SEXUALIDADES: observações empíricas em uma escola pública da cidade de Goiânia – GO

O CORPO QUE HABITO: UM RASCUNHO SOBRE CORPOREIDADES NA ESCOLA

Enlace 29 – Gênero, sexualidades e educação infantil

PROBLEMATIZANDO ESTEREÓTIPOS DE GÊNERO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

RELAÇÕES DE GÊNERO E DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL: INTERFACES ENTRE POLÍTICAS PÚBLICAS E ABORDAGENS PEDAGÓGICAS

PRODUÇÃO E DIFUSÃO DO CONHECIMENTO ACERCA DE QUESTÕES ETNICO-RACIAIS E DE GÊNERO COM FOCO NAS INFÂNCIAS NEGRAS: MAPEANDO OS TRABALHO DO VIII COPENE

HETERONORMATIVIDADE E EDUCAÇÃO INFANTIL: AS MARCAS GENERIFICADAS/DORAS DO TRABALHO DOCENTE A PARTIR DOS ENUNCIADOS PRESENTES NOS DOCUMENTOS REGULAMENTADORES DA ÁREA

AZUL PARA MENINOS E ROSA PARA MENINAS: AS RELAÇÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADES EM UMA CRECHE UNIVERSITÁRIA

E COMO FICAM OS ESTUDOS QUE ARTICULAM SEXUALIDADE, GÊNERO E EDUCAÇÃO INFANTIL, NO BRASIL? – UM ESTUDO EM CONSTRUÇÃO.

A CONSTRUÇÃO DOS SENTIDOS DE GÊNERO COM O USO DAS NOVAS TECNOLOGIAS NA PRIMEIRA INFÂNCIA

Enlace 30 – População LGBT, movimentos sociais e educação: imbricamentos e potências políticas

“DISCURSOS, PRÁTICAS E POSTURAS DOCENTES DIANTE DA HOMOFOBIA NA ESCOLA”.

RELAÇÕES FAMILIARES E LESBIANIDADE: QUE ENLACE É ESSE?

Enlace 31 – Identidades intercruzadas: gênero, raça e sexualidades

SER’TÃO DE RESISTÊNCIA: RELATOS DA TRANSVERSALIZAÇÃO DAS IDENTIDADES MARGINALIZADAS NA CIDADE DE DELMIRO GOUVEIA ALAGOAS.

MASCULINIDADES EM DEBATE: ANALISANDO TEORIAS E ENLAÇANDO A SOCIEDADE PAULOAFONSINA

A REPRESENTAÇÃO DO NEGRO NO LIVRO DIDÁTICO

SOBRE GRIOTS: POR UMA HISTÓRIA DAS MULHERES NEGRAS, POR ELAS MESMAS.

QUANDO PADRÕES HEGEMÔNICOS DE BELEZA, RELAÇÕES DE PODER E SEXUALIDADES SE INTERCRUZAM NA VIDA DE MULHERES NEGRAS DA PERIFERIA DE SALVADOR/BA

“BARRIL FRENÉTICO”, CARTOGRAFANDO O PATRÃO: DIÁLOGO COM A MASCULINIDADE NEGRA.

O TRUAMA COMO FORÇA MATRIZ DA OBRA DE MAYA ANGELOU

O QUE É SER PUTA? UMA HISTÓRIA DA PROSTITUIÇÃO EM DELMIRO GOUVEIA

HISTÓRIAS DAS MULHERES: UMA ANÁLISE DE MULHERES VÍTIMAS DA VIOLÊNCIA EM DELMIRO GOUVEIA- AL

A MULHER NA CAPOEIRA E A PARTICIPAÇÃO NO MOVIMENTO DE RESISTÊNCIA AO SISTEMA RACISTA E PATRIARCAL

BEAUVOIR E FOUCAULT: QUAIS OS IMPACTOS DESSE DEBATE TEÓRICO PARA AS QUESTÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADES NA ATUALIDADE?

MULHERES EM SITUAÇÃO DE RUA: TRAJETÓRIAS DE INVISIBILIDADE E EXCLUSÃO NA CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES

Enlace 32 – Medicalização: moralidades, gênero, sexualidade e diversidade corporal

INSTÂNCIAS PEDAGÓGICAS: DISCURSO CIENTÍFICO E REGULAÇÃO DA HOMOSSEXUALIDADE FEMININA – 1920-1950

BRASIL EM TRABALHO DE PARTO: PROCESSOS DE MEDICALIZAÇÃO DO PARTO E A RESOLUÇÃO Nº 368 DA ANS

Enlace 33 – Produção acadêmica e ativismos em gênero, raça/etnia e sexualidade: contribuições dos estudos queer

SEXUALIDADE: UMA ‘QUESTÃO’ NO MUNDO DO TRABALHO, CONTEXTO BRASILEIRO

QUEER PARA QUEM?: SOBRE AS POSSIBILIDADES DE DESCOLONIZAÇÃO E ANTROPOFOGIZAÇÃO DA TEORIA QUEER

O SERVIÇO SOCIAL E AS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E DE GÊNERO NA POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

UM DIÁLOGO SOBRE POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE: MULHERES LÉSBICAS E BISSEXUAIS EM UM CONTEXTO DE PRIVAÇÃO DE LIBERDADE

CINE DEBATE – VIOLÊNCIA E DISCRIMINAÇÕES DE GÊNERO E ÉTNICA RACIAL: UMA PROPOSTA NECESSÁRIA PARA CÂMARA LEGISLATIVA DO DISTRITO FEDERAL

Enlace 34 – Religiosidades cristãs: moralidades, diversidades sexual e de gênero

FOLHA UNIVERSAL E A DOMINAÇÃO MASCULINA: UMA ANÁLISE DO DISCURSO DA MÍDIA IMPRESSA RELIGIOSA

RELIGIOSIDADE E DIVERSIDADE SEXUAL: A HOMOSSEXUALIDADE À LUZ DO CRISTIANISMO

O SAGRADO COMO IDEOLOGIA DE ESTADO?

Enlace 35 – Gêneros: transgressões, enquadramentos e violências

PROTEÇÃO PARA QUEM? LEI MARIA DA PENHA E AS MULHERES TRANS

DIZIBILIDADES TRAVESTIS: IMAGENS E ENUNCIADOS NA IMPRENSA

HOMOSSEXUALIDADE FEMININA NO CÁRCERE: ESTRATÉGIAS E (RE)CONFIGURAÇÕES DE GÊNERO COMO FORMA DE SOBREVIVÊNCIA

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER NA IMPRENSA: O CASO DO JORNAL “O POPULAR”

VIOLÊNCIA SEXUAL E SEXISTA NO ÂMBITO DO TRABALHO: ASPECTOS QUE CIRCUNDAM O ASSÉDIO MORAL E SEXUAL

VIOLÊNCIA SIMBÓLICA E INSUCESSO ESCOLAR FEMININO: DISCUTINDO FEMINILIDADES A PARTIR DO JULGAMENTO PROFESSORAL

“CRIMES ESPETACULARES”: GÊNERO E OUTROS MARCADORES SOCIAIS DA DIFERENÇA NA PRODUÇÃO DA NOTÍCIA

O IMPACTO DA HOMOFOBIA NA SAÚDE DE ADOLESCENTES HOMOSSEXUAIS

Enlace 36 – Novos direitos, diferenças e interseccionalidade no debate sobre sexualidades, gênero e raça

COMO A INTERCONEXÃO DE GÊNERO E RAÇA CONTRIBUI PARA A REPRODUÇÃO DO ASSÉDIO MORAL ENTRE AS/OS TELEOPERADORAS/ES

O GRUPO DE MULHERES COMO ESPAÇO DE EMPODERAMENTO EM UM SERVÇO DE ASSISTÊNCIA ESPECIALIZADO EM HIV/AIDS NO IMIP-PE

OS MOVIMENTOS NO ESTADO EM UM RECORTE FEMINISTA: UM ESTUDO SOBRE GARANTIA E AVANÇO DE DIREITOS DEMOCRÁTICOS

REPENSANDO A CIDADANIA: RELAÇÕES RACIAIS E POLÍTICAS PÚBLICAS

Enlace 37 – Debates sobre sexualidades e questões de gênero na juventude: transgressões e normatividade no contexto escolar

PERCEPÇÕES ACERCA DA HOMOSSEXUALIDADE E SUA UTILIZAÇÃO COMO ESTRATÉGIA DIDÁTICA NO ENSINO DE BIOLOGIA

NEM TÃO AZUL, NEM TÃO ROSA: A DIFERENÇA QUE DESAFIA A ESCOLA

Enlace 38 – Famílias e educação: interseccionalizando identidades de raça-etnia-gênero

“EU ESCONDIDA AQUI DESSE LADO, PORQUE TINHA QUE SER ESCONDIDO,… TUDO TINHA QUE SER ESCONDIDO” OU DOS BASTIDORES AO CENTRO: (RE)ARRANJOS SOCIAIS E TENSIONAMENTOS EM TORNO DA LEI FEDERAL 10.639/2003

FAMÍLIA HOMOAFETIVA E DESLOCAMENTO URBANO: RELATO SOBRE OS ESPAÇOS DE CONFLITO NA CIDADE DE MARINGÁ, PR, BRASIL.

MEMÓRIAS FAMILIARES, MARCAS IDENTITÁRIAS DA EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL

FAMÍLIA ADOTIVA E RELAÇÕES INTER-RACIAIS: VIVÊNCIAS DE JOVENS NEGROS BRASILEIROS COM SEUS PAIS ESTRANGEIROS

Enlace 40 – Instituições político-jurídicas, subjetividades, identidades de gênero e processos transexualizadores

A AMEAÇA DO ENGANO: SOBRE FAMÍLIAS POSSÍVEIS, IDENTIDADES VERDADEIRAS E TEMPO NOS TRIBUNAIS BRASILEIROS

DIVERSIDADE DE GÊNERO E SEXUAL NO CONTEXTO DA SOCIOEDUCAÇÃO

Enlace 41 – Práticas educativas, currículo, gênero e sexualidades

PODEM OS CORPOS E AS CORPOREIDADES ABJETAS SEREM DISCUTIDAS NOS CURRÍCULOS E LIVROS DE CIÊNCIAS?

CALDEIRÃO DA EDUCAÇÃO: UM APRENDIZ DE BRUXA ANALISANDO CURRÍCULOS PÓS-CRÍTICOS.

CORPO, GÊNERO E SEXUALIDADES: UMA ANÁLISE DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DO COLÉGIO ESTADUAL “17 DE MARÇO”, ARACAJU (SE)

IDENTIFICAÇÃO DAS CIRCUNSTÂNCIAS PARA DEFINIÇÃO DE ESTRATÉGIAS DE INCLUSÃO DE JOVENS MULHERES NAS CIÊNCIAS EXATAS

VIOLÊNCIA CANTADA? GÊNERO, EDUCAÇÃO E MÚSICA, EXPERIÊNCIA ETNOGRÁFICA NAS OFICINAS DO “PROJETO PAPO-SÉRIO”

A PRESENÇA DA HETERONORMATIVIDADE EM FILMES INFANTIS: UMA ANÁLISE DO FILME TOY STORY

DIVERSIDADE SEXUAL NA ESCOLA E DIREITOS HUMANOS

DESCONSTRUINDO NORMAS E CONSTRUINDO NOVOS SABERES SOBRE DIVERSIDADE DE GÊNERO E SEXUAL NA ESCOLA

GÊNERO E SEXUALIDADES: UMA PROPOSTA PARA O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA

CURRÍCULO: (RE)PRODUÇÃO E NEGAÇÃO SIMBÓLICAS DAS DIFERENÇAS OU THALIA : MUITO MAIS QUE UM PAR DE SAPATO DE SALTO ALTO

DIÁLOGOS SOBRE DIVERSIDADE DE GÊNERO E SEXUAL NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID)

SEXUALIDADE E SUBJETIVIDADES NOS DISCURSOS DE UMA PROFESSORA: OS RESPINGOS NA PRÁTICA PEDAGÓGICA

A INVISIBILIDADE DOS CASOS DE VIOLÊNCIA SEXUAL EM UMA UNIDADE DE INTERNAÇÃO SOCIOEDUCATIVA

PODEM OS CORPOS E AS CORPOREIDADES ABJETAS SEREM DISCUTIDAS NOS CURRÍCULOS E LIVROS DE CIÊNCIAS?

Enlace 42 – A diversidade sexual sobre o prisma das famílias e gerações

“NÓS JÁ SOMOS UMA FAMÍLIA! SÓ FALTAM OS FILHOS”: UMA PESQUISA SOBRE FAMÍLIAS LESBOPARENTAIS

Enlace 43 – Aborto e direitos reprodutivos no Brasil: enlaces, avanços e desafios

ABORTO: ALGUMA PERSPECTIVA HISTÓRICA

“ESTOU AQUI PAGANDO MEUS PECADOS!” PERCEPÇÕES DAS PACIENTES EM PROCESSO DE ABORTAMENTO NO HOSPITAL MATERNIDADE SANTA CATARINA, NATAL-RN.

‘TER FEITO ABORTO NÃO ME TIRA O DIREITO DE SER MÃE’: DILEMAS RELATIVOS À INTERRUPÇÃO DE GRAVIDEZ E O EXERCÍCIO DA MATERNIDADE NOS DISCURSOS DE MULHERES EM UMA CAPITAL NORDESTINA.

Enlace 44 – Feminismos poscoloniales desde el Sur

POR UMA EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA FEMINISTA

O FEMINISMO DESCOLONIAL DE HOURIA BOUTELDJA E O MOVIMENTO DE MULHERES NEGRAS BRASILEIRO: ALGUMAS QUESTÕES A DISCUTIR

TRAYECTORIAS DE VIDA Y EXPERIENCIAS COTIDIANAS DE PERSONAS TRANSEXUALES EN ARGENTINA: LA ENCRUCIJADA ENTRE LAS LEYES, LA MEDICINA Y LA CULTURA.

Enlace 45 – Arte, Cultura e possibilidades não-hegemônicas de materialização de outridades sexuais

EU SOU UMA LÉSBICA? IMAGENS E CONFLITOS IDENTITÁRIOS NA LITERATURA DE CASSANDRA RIOS

A ESCRITA NEGRA, FEMININA E HOMOAFETIVA DE CONCEIÇÃO EVARISTO NO CONTO ISALTINA CAMPO BELO

CARTOGRAFIA DO CLOSE: AFETAÇÕES NUM CIRCUITO DE MUSICALIDADES

MISS BRASIL GAY EM JUIZ DE FORA/MG: FESTA TRIBAL

SUBJETIVAÇÃO PORNOGRÁFICA

DESLO(U)CADAS, TRANSITÓRIAS E PROVOCATIVAS: TROCA DE SABERES E EXPERIMENTOS ARTÍSTICOS EM MODA E MÚSICA NO CONTEXTO PÓS-COLONIAL

O DESEJO É RIZOMÁTICO: NOTAS SOBRE DISSIDÊNCIAS, PORNOGRAFIA E SUBVERSÕES SEXUAIS NA LITERATURA DE NELSON RODRIGUES


  • No Related Post


Envie uma mensagem: