POR Ascom/Toni Vasconcelos, 19 dez 2016, 16H43

Reitor José Bites é homenageado pela Alba com título de Cidadão Baiano

Toni Vasconcelos
Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação

di1_bites

Professor Bites conclamou parlamentares a priorizarem ações que promovam a sustentabilidade das universidades estaduais

A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) outorgou o título de Cidadão Baiano ao reitor da UNEB, José Bites de Carvalho, em sessão especial realizada no plenário da Casa, no Centro Administrativo (CAB), em Salvador, nessa sexta-feira (16).

A honraria, proposta pela deputada Luiza Maia, foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares.

“Agradeço à Assembleia Legislativa pela aprovação deste título, principalmente aos parlamentares que têm um olhar sensível às demandas da universidade e que atuam em prol do fortalecimento da nossa instituição”, pontuou o reitor, visivelmente emocionado, ao falar para um auditório lotado.

Professor Bites estendeu seus agradecimentos a toda a comunidade acadêmica da UNEB, “que constrói diariamente essa grande universidade”, e aos presentes que foram prestigiar a sessão em sua homenagem.

“Em especial agradeço à deputada Luiza Maia que, com esse título, amplia a visibilidade da UNEB e oportuniza mais um importante momento de diálogo entre esta Casa, a universidade e a sociedade”, completou Bites.

Destacando o atual contexto de crise política e ética por que passa o país, com graves riscos à democracia e aos avanços sociais, o reitor afirmou que “é imperativo chamar todos e todas à responsabilidade pela manutenção do patrimônio que as universidades públicas representam”.

“Precisamos rediscutir e implementar ações que revisem o financiamento e a governança das universidades estaduais, assegurando a sua autonomia e reconhecendo o papel dessas instituições na interiorização da educação superior na Bahia”, disse Bites, conclamando os parlamentares a priorizarem projetos e ações que promovam a sustentabilidade das universidades estaduais.

Justificando a outorga do título – “uma honraria concedida para pessoas que contribuem para a consolidação da democracia e para o avanço das ideias progressistas em nosso estado” –, Luiza Maia lembrou que o reitor, em sua gestão à frente da UNEB, “protagonizou diversas transformações na universidade, entre as quais, a criação da Pró-Reitoria de Ações Afirmativas (Proaf), responsável por ações destinadas às populações negras, indígenas, às mulheres, idosos, comunidade LGBT, pessoas com deficiência e outros grupos sociais ainda vulneráveis”.

“Esta sessão lotada demonstra o prestígio conquistado pelo reitor Bites com seu trabalho. Todo o esforço do gestor, educador e agente social José Bites é para a consolidação do ensino público superior socialmente referenciado, que contribua com a formação de cidadãos éticos e comprometidos com os direitos humanos, com a igualdade social e os valores da democracia”, assinalou a deputada.

A parlamentar expressou, metaforicamente, seu conceito sobre o homenageado: “Bites é um farol para todos nós, um porto seguro para nossos estudantes, nossa juventude, que precisa muito desse apoio para fazer o enfrentamento contra esse retrocesso que estamos vivendo no país”.

di3_bites

Ao lado da vice-reitora Carla Liane, compuseram a mesa representantes da comunidade acadêmica e outros convidados

Reconhecimento pelo trabalho

Durante toda a sessão de outorga do título, não se via lugar vago no plenário da Assembleia Legislativa, ao contrário, algumas pessoas ficaram em pé ou acompanharam do lado externo do ambiente.

Estudantes, docentes, servidores técnicos administrativos e gestores da UNEB marcaram presença, além de parlamentares, autoridades, familiares, ex-gestores da universidade, lideranças comunitárias e representantes de movimentos sociais.

Compuseram a mesa solene a vice-reitora da UNEB, Carla Liane; o reitor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), João Salles; o comandante-geral da Polícia Militar (PM-BA), coronel Anselmo Brandão; a presidente do Conselho Estadual de Educação (CEE), Anatércia Contreiras; representantes dos corpos técnico, discente e docente da universidade, entre outros convidados.

Na avaliação de Carla Liane, o título concedido ao reitor é “como um gesto de reconhecimento por todo o trabalho que o professor Bites fez, não somente em Salvador, mas em toda a Bahia onde a UNEB está presente”.

“Quando um gestor obtém êxito e conquistas, temos celebrar, como acontece aqui; nos sentimos todas e todos da gestão e da comunidade universitária representados nesse título”, resumiu a vice-reitora.

Ao final da sua fala, em tom comovido, o reitor enfatizou: “A UNEB é por vocação a universidade de toda a Bahia e atua caminhando para o desenvolvimento do estado e de todos os seus cidadãos, entre os quais, com orgulho, eu faço parte, de fato, pela minha vivência de tantos anos aqui e, de direito, agora, por este título de Cidadão Baiano”.

O evento foi abrilhantado ainda pela interpretação musical da professora Maria Glória da Paz, acompanhada do músico Cicero Assis, e pela performance de um grupo de capoeiristas.

di2_bites

Muitos estudantes, docentes, funcionários e gestores da UNEB lotaram plenário em clima de emoção e confraternização

Vida dedicada à Bahia e UNEB

Primeiro reitor da UNEB e idealizador do projeto de multicampia da instituição, o educador Edivaldo Boaventura também prestigiou a homenagem da Casa legislativa baiana ao professor José Bites.

“Levar a educação pública de qualidade aos quatro cantos da Bahia é a grande missão da UNEB, mas não é nada fácil. O reitor Bites consegue fazer isso muito bem, estando presente em todos os campi e unidades da universidade, liderando, motivando e fazendo a educação pública superior funcionar em todos esses lugares”, considerou o educador.

Segundo Edivaldo Boaventura, mesmo com os limites orçamentários e conjunturais atuais que limitam a expansão horizontal da UNEB, “a gestão e a comunidade universitárias têm conseguido fazer a universidade crescer verticalmente, com os novos programas de mestrado e doutorado em vários campi, o que é fundamental para a instituição”.

José Bites de Carvalho nasceu no estado de Goiás, município de Inhumas, em 1956. Professor assistente da UNEB, possui graduação em Geologia pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), especialização em Metodologia do Ensino de Geociências pela Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e mestrado em Geologia pela Ufba, instituição na qual também iniciou seu doutorado.

Bites trabalhou na área de educação, geologia e gestão pública com ênfase em educação, atuando principalmente nos temas ambientais, metodologia do ensino e formação docente. Exerceu, por três mandatos, o cargo de diretor do Departamento de Educação (DEDC) do Campus VII da UNEB, em Senhor do Bonfim. Entre 2010 e 2013, esteve à frente da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) da instituição, sendo eleito, no final de 2013, para reitor da UNEB, junto com a vice-reitora Carla Liane, com mandato de 2014 a 2017.

Confira mais fotos no Flickr da UNEB

Fotos: Cindi Rios/Ascom


Notícias relacionadas



Envie uma mensagem: