POR Ascom/Wania Dias, 06 set 2016, 10H52

UNEB vai realizar cerimônia de instalação do Campus Avançado de Canudos

Núcleo de Jornalismo
Assessoria de Comunicação

A Universidade do Estado da Bahia (UNEB) vai realizar a cerimônia de instalação do Campus Avançado de Canudos, no dia 12 de setembro, às 19h, no Memorial Antônio Conselheiro (MAC), no município.

A criação da unidade foi aprovada pelo Conselho Universitário (Consu), instância máxima deliberativa da instituição, em reunião realizada no Campus VIII, em Paulo Afonso, nos dias 30 e 31 de março deste ano.

Foram convidados para o evento os membros do Conselho Estadual de Educação (CEE), autoridades políticas e integrantes da comunidade acadêmica.

A programação da cerimônia, que segue até o dia 13 de setembro, conta ainda com a apresentação “Instalação do Campus Avançado de Canudos – 56 anos de história e 33 anos de Institucionalização da UNEB”, que será realizada pelo reitor da UNEB, José Bites de Carvalho, e uma visita ao Parque Estadual de Canudos (PEC), que marcará o aniversário de 30 anos do equipamento.  O evento reserva ainda uma Sessão Especial  e reunião do CEE, com a participação da presidente do conselho Anatércia Ramos.

Campus Avançado de Canudos

De acordo com o coordenador do projeto do novo campus, Luiz Paulo Neiva, será implantada em Canudos uma unidade, diretamente ligada à Reitoria da UNEB, de gestão acadêmica e administrativa “a partir de todo o arcabouço já existente e reforça-se perspectivas formativas, inicialmente com a oferta de cursos na modalidade EaD (a distância)”.

“Todo o esforço desenvolvido pela universidade, a partir de 1985, resultou na criação do Parque Estadual de Canudos, do Memorial Antônio Conselheiro e, mais recentemente, do Projeto Canudos. Construímos um repertório significativo de estudos e pesquisas, produzido pelo Centro de Estudos Euclides da Cunha (Ceec). Já no Projeto Canudos, temos uma rede formada por mais de 20 pesquisadores e um Fórum de Desenvolvimento Local constituído por 63 entidades da sociedade civil, com ações voltadas para a preservação da memória da Guerra de Canudos, educação para a convivência com o semiárido, arqueologia, arte e cultura, pesca e piscicultura, preservação do bioma caatinga, agricultura irrigada e de sequeiro”, detalha Luiz Paulo.

O coordenador informa que a Prefeitura Municipal de Canudos doou um prédio ao campus avançado da UNEB, que está sendo reformado para a implantação dos cursos EaD, que aguardam certificado de admissibilidade da Capes, e também de uma academia de ginástica para idosos.

E está em construção no local o novo Museu de Canudos, obra da prefeitura em convênio com o Governo Federal, o qual será repassado também para a UNEB.

“Oportunamente, planejamos desencadear gestões no sentido de se formatar uma rede virtuosa que contemple departamentos, centros de estudos, universidades, pesquisadores e intelectuais que tematizam Canudos e a vida sertaneja”, adianta o docente.


Notícias relacionadas



Envie uma mensagem: